26 de julho de 2010

Beijo-te



(Toulouse Lautrec)

Todas as noites
Ainda encontro seus lábios
E é um encontro só meu, bem sei
Mas beijo com tanta certeza
Que convicta adormeço em seguida
Certa de que provei de você...
.
Lai Paiva

8 comentários:

  1. De uma delicadeza... Lindo demais... Igual a autora =)

    ResponderExcluir
  2. Meu anônimo preferido... Obrigada!

    ResponderExcluir
  3. Apesar da unilateralidade, lindo!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. "Desejei-te em cada som e depois adormeci"
    Constança Lucas

    beijos cintilantes moça

    ResponderExcluir
  5. Larinha, sua apreciação sempre me importa muito. Bj querida.


    Pri, obrigada querida!

    Rê, belo complemento. Beijos = )

    ResponderExcluir
  6. Lindo, Lai!
    Esse foi de arrancar suspiros. aarrrrr ^^

    ResponderExcluir
  7. Ricardo querido, fico lisonjeada. Obrigada. beijo

    ResponderExcluir